Todo Mundo É Religioso, Quer Saiba Disso Ou Não

“… adoraram e serviram mais à criatura, do que o Criador, que é abençoado para sempre. Amém”. (Romanos 1.25)

“Você vive por um motivo religioso, mesmo rejeitando a Deus” – adaptado de Nancy Pearcey. Se não for o Criador o deus onde a sua mente e coração estão alicerçados, serão as criaturas, ou as coisas criadas, quem ocuparão esse lugar.

Esse deus representa um princípio básico sobre o qual você irá fundamentar sua vida. Ídolos podem ter diversas formas, variando de acordo com as oscilações de cada coração enganoso. Assim, seu deus pode ser chamado de…

Segurança financeira:

Uma quantia de R$ 3.500,00, R$ 10.000,00, R$ 23.734,00, R$ 157.093,00, seria um bom deus para adorar mensalmente? Ou aquela casa mobiliada, ou aquele condomínio luxuoso, ou aquele carro do ano? Será que esses seriam bons ídolos para neles habitar?

Sucesso acadêmico:

Talvez seu deus seja um pedaço de papel chamado diploma, um ídolo na parede moldurado, de uma conceituada universidade. Papel esse que pode custar toda a sua vida, esforço, choro, labuta. Mas isso no final das contas valerá a pena para você. Pois, aquele título representa o seu propósito de vida, seu deus mais amado.

Porte físico:

Seu deus talvez possa ser alcançado através de uma barra de ferro de 30 kg ou 100 kg. Ele pode ser representado por uma cintura fina. Pode ainda ser alcançado em uma clínica, sendo um par constituído por material específico no formato cilíndrico, denominado prótese estética, o famoso (deus) silicone.

Humano ou Organização:

Quem sabe você tenha uma pessoa ocupando esse lugar em sua vida? Pode ser um cantor famoso, um artista, um influencer, um estudioso. Ou ainda uma banda musical, um time de futebol, um partido político, uma empresa, uma marca. Seu deus pode ser um simples humano ou até mesmo uma organização.

Ídolo genérico:

Como drogas, sexo depravado, pornografia, masturbação.

Conjunto de Crenças:

Podendo ser horóscopos, signos, rezas automáticas, objetos religiosos.

Conjunto de Descrenças:

Por exemplo: ateísmo, ou quaisquer outros “ismos” que possam existir e contrariarem a Verdade. Até porque, o fato de não acreditar não anula a crença, mas afirma a crença de não acreditar. Ou seja, parece ilógico. Mas, quantos vivem suas vidas sem sentido?

Conclusão

Seja sincero(a) consigo mesmo(a). Essa é ou não é a realidade que somos e vivemos?

Agora, faça uma importante reflexão e pense: O que motiva sua vida? O que lhe ampara nos dias ruins e lhe alegra nos dias bons? É o Deus criador ou a criatura e suas ramificações?

Todos nós fomos feitos para adorar ao Senhor, e caso o rejeitemos, não deixaremos de adorar. Porém, adoraremos de forma vã. Idolatraremos as loucuras, os anseios, os desejos da imaginação altiva e distante de Deus.

E, nunca estaremos plenamente satisfeitos.

“Quando olho para mim, não vejo como me ganhar. Quando olho para Cristo, não vejo como me perder” – Martinho Lutero.

O que você tem adorado e servido até esse momento da sua vida?

PENSE E REFLITA!

2 comentários Adicione o seu

  1. Pastor Marcus Lomeus disse:

    Muito Boa está Mensagem
    Estão de parabéns pelas postagens e mensagem do evangelho pleno.
    O

    Curtir

  2. patricia sa disse:

    Como sempre meu amigo , aprendendo com seus textos e acrescentando minhas leituras . 👏🏼👏🏼👏🏼👏🏼

    Curtir

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s